quinta-feira, 5 de maio de 2016

Falta de infraestrutura compromete mobilidade urbana no Bairro das Indústrias

Os buracos nas ruas do bairro das indústrias estão incomodando os motoristas e pedestres da localidade, que reclamam do perigo dos buracos, além da lama que se forma quando ocorre as chuvas. Uma equipe do Ônibus da Paraíba percorreu diversas ruas do bairro e dos conjuntos vizinhos e viu a precariedade das vias em que circulam o transporte coletivo. 

Nessa primeira matéria, iremos abordar a área circunvizinha do terminal do bairro. Ao embarcar no coletivo da linha 104-Bairro das Indústrias, percorremos vias com um pavimento asfáltico regular, mas ao chegar próximo do ponto final, a realidade é completamente diferente. As ruas que dão acesso ao terminal, estão completas de buracos e muita lama. A Av. Cidade de Salgado de São Félix é uma delas. Com uma escola municipal, fica complicado para alunos e funcionários transitarem pelo local. Muitos passageiros, preferem descer na principal e caminhar 200 metros, do que descer no terminal rodeado de barro. 

Os ônibus também são prejudicados e quem mais sofre é o usuário. Com muito buraco e muita lama é difícil manter um veículo limpo nas viagens que ele cumpre durante todo um dia. Além do desgaste de peças, o veículo começa a se deteriorar mais rápido. 

O atraso no itinerário é outro fator grave. A linha 1001-Via Shopping também divide o mesmo terminal com a 104. Lideranças comunitárias já se reuniram com a Seinfra, mas até agora nada foi resolvido e o problema persiste, dificultando a vida de todos. Os passageiros sofrem com paradas sem abrigo e muita lama até mesmo nas calçadas. Eles relatam que entra gestão e sai gestão, mas nada é solucionado.

Fonte/Fotos: Ônibus da Paraíba

Prefeitura de João Pessoa garante legalidade em conceder novas linhas sem licitação

A criação de novas linhas de ônibus no transporte público da Capital não exige abertura de licitação para empresas interessadas em explorar os trechos que venham a expandir o serviço. Não exige porque dois contratos de concessão celebrados há cinco anos pelo então prefeito Luciano Agra já contemplavam as atuais concessionárias com qualquer expansão que viesse a ocorrer posteriormente. 
O esclarecimento foi prestado nesta terça-­feira (3) pelo advogado Adelmar Régis, Procurador ­Geral de João Pessoa, em resposta a questionamento segundo o qual duas novas linhas de coletivo para Mangabeira e Valentina foram concedidas sem processo regular de licitação. “A decisão do governo municipal foi tomada dentro da mais estrita legalidade e teve como objetivo alcançar a universalidade do atendimento aos usuários daqueles bairros”, garante ele. 

Através de Agra e da também advogada Laura Farias, então chefe da STTrans (hoje Semob), a PMJP assinou dois contratos de concessão do serviço de transporte de passageiros em março de 2011. As empresas contratadas, vencedoras da concorrência Pública nº 001/2011, ganharam o direito de operar suas linhas por 20 anos, prorrogáveis por igual período. “O objeto dos contratos é a delegação, mediante concessão, da prestação de serviço público de transporte coletivo urbano de passageiros em determinada região da cidade, conforme descrito no edital da concorrência pública, ou seja, cada um deles abrange uma área de operação. Cada área foi vencida por um consórcio de empresas”, acrescenta o Procurador Geral, expondo fac-símile dos dispositivos do contrato que respaldam suas informações.

Fonte: Jornal da Paraíba

Duas novas linhas de ônibus

Assim como no futebol todo mundo considera-se técnico (técnico dos bons!), em relação ao “trânsito nosso de cada dia” as pessoas, em geral julgam-se competentes engenheiros desse setor! E se a área em questão for a do transporte coletivo urbano, aí, sim, é que o mundo de técnicos amplia-se ainda mais! Estas colocações são aqui feitas porque desde domingo, 1º de maio, a Semob-JP criou e autorizou a operação referente a duas novas linhas de ônibus, uma com o nº 9901 e a outra identificada pelo número subsequente, qual seja, 9902, ambas tendo como ponto inicial – e também final – o Mangabeira Shopping. 

Essa providência desde logo recebeu aplausos da população desses dois grandes bairros pessoenses, mas, até mesmo entre os elogiadores, houve quem criticasse a Semob-JP porque só agora emitiu a autorização nesse sentido. E quando dissemos que a operação dessas duas linhas está ainda em caráter experimental, porquanto se precisa de um tempo para avaliar-se mesmo a viabilidade ou sustentabilidade de ambas, aí as críticas mais se evidenciaram. “Por que experimental? Já não se sabe que essas linhas são necessárias?” – alguns registraram. 

Agora somos nós que destacamos: – as necessidades existem em todas as dimensões; no campo do transporte coletivo, por exemplo, a absoluta maioria dos passageiros entende como necessidade a circulação do ônibus por sua rua e parando em frente à respectiva residência; mas, para tanto, precisa haver passageiros em quantidade capaz de dar sustentabilidade ao serviço. Daí, o caráter experimental de linhas implantadas, para se concluir por sua viabilidade e consequente continuidade.

por Mário Tourinho
Fonte: Mais PB

Pré-candidata a prefeitura de João Pessoa estuda implantar ônibus de graça nos finais de semana

A pré-candidata a prefeitura de João Pessoa pelo PSB, Cida Ramos, disse na noite desta terça-feira, 03, que o apoio recebido, desde o anúncio oficial de seu nome para a disputa de outubro, tem sido enorme e de vários setores da sociedade pessoense.

Cida reclamou das promessas feitas por Luciano Cartaxo durante a campanha eleitoral de 2012 e que não foram cumpridas até hoje, “mesmo no último ano de gestão”. A pré-candidata disse ainda que está formando o seu projeto de governo ouvindo as pessoas e debatendo as necessidades das pessoas. 

Entre as propostas, Cida disse que vai estudar a possibilidade de implantar transporte coletivo gratuito nos finais de semana, “conversei com pessoas que moram na periferia, uma família que mora no Colinas do Sul me revelou que sofre muito porque gostaria de ir a praia no fim de semana, mas não tem condições porque a passagem é muito cara e as passagens são contadas para os dias da semana”, relatou.

Fonte: Polêmica Paraíba

quarta-feira, 4 de maio de 2016

Usuários aprovam novas linhas de ônibus na zona sul‏ de João Pessoa

Entrou em operação no último domingo (01), duas novas linhas, que são responsáveis pela ligação do bairro do Valentina ao Mangabeira Shopping. As linhas de prefixo 9901 e 9902 são operadas pela Santa Maria (consórcio Navegantes) e Transnacional (consórcio Unitrans), respectivamente. 

A população dos bairros contemplados comemorou a operação das linhas e agradeceu por terem atendido um pedido feito a bastante tempo. Agora ficou muito mais fácil ir e vir do shopping e até mesmo no bairro de Mangabeira. As linhas atendem, duas das três principais do bairro. É notório uma certa timidez no número de passageiros deslocados, visto que se trata de algo novo e que está em sua primeira semana. 

As empresas se comprometeram a divulgar e esclarecer as duvidas de todos os passageiros. “Nossos operadores estão orientados e capacitados a fim de ajudar o usuário sobre o itinerário e os principais pontos atendidos”, destacaram Antônio Barreto e Rogério Vieira, chefes de tráfego das empresas.

Fonte: Ônibus da Paraíba

Grupo A. Cândido realiza homenagem para mães de colaboradores‏ no próximo sábado

O louvor em Ação de Graças pelo Dia das Mães das empresas de ônibus de João Pessoa Unitrans (Transnacional e Reunidas) e Santa Maria, da Unidas Mercedes-Benz, TBS e Rodoviário Nordestino, será realizado no próximo sábado (07), a partir das 8h30, no galpão da garagem da Unitrans, no bairro de Água Fria. 

O tema da comemoração deste ano será “Mãe do puro amor”. O evento será iniciado com um louvor realizado por integrantes da Banda Doce Mãe de Deus, de João Pessoa, em seguida, o Diácono Carlinhos, da paróquia Menino Jesus, dos Bancários, conduzirá a pregação que abordará temas alusivos à data festejada. Também está na programação a coroação da imagem da Virgem Maria, que será realizada por filhos de funcionários. Um lanche coletivo concluirá o momento de comunhão entre os profissionais das empresas e seus familiares. 

“A homenagem às mães se tornou uma tradição nas empresas do grupo e sempre festejamos esse dia especial com muita alegria, mais que uma data comemorativa, o evento se tornou uma oportunidade de integração entre os funcionários, suas famílias e a direção das empresas que formam o Grupo A.Cândido em meio ao louvor à Nossa Senhora, mãe de todos nós”, destaca o diretor da Unitrans, Alberto Pereira.

Fonte: News Comunicação
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...